logo do cabeçalho
Santa Catarina Moda Contemporânea
Mario Queiroz

Mario Queiroz e o Santa Catarina Moda Contemporânea

Estilista traça panorama da moda masculina ao longo das décadas

O Santa Catarina Moda Contemporânea trouxe o coordenador técnico do projeto para a palestra "O Homem e a Moda: Desencontros e Encontros" na última segunda-feira, (13/10) na Univali em Itajaí (SC). O encontro reuniu estudantes, empresários e interessados no universo do vestuário masculino.

A trajetória da palestra foi pontuada pela figura do homem na moda através de imagens, algumas antes mesmo da fotografia. O trabalho de pesquisa do estilista foi intenso e revela que a vaidade masculina aparece em roupas e acessórios desde a época havia uma classificação de classe social mais definida. "Imagem não é só a roupa, é o conjunto", defende Mario, sobre a união de roupas, estilo, comportamento e atitude do homem.

Na busca pela identidadeda moda masculina, o estilista afirma: “Homem se veste para homem. Se você sai com uma camisa mais chamativa e seu colega de trabalho fala que é feia ou menos masculina, talvez você nunca mais a use”, comentou.

Para Mario a masculinidade dos anos 2000 está atrelada ao novo homem, que recupera sua vaidade e sensibilidade, sem deixar a virilidade de lado. Exemplos de atletas e atores ilustraram os comentários do coordenador técnico do SCMC durante o evento.

Durante sua viagem ao estado, ele aproveitou o momento para se reunir com os participantes do projeto. Nos dois dias em Santa Catarina eleconferiu o andamento do processo de criação das equipes e cartela de cores propostas para o desfile final do SCMC no ano que vem.

Fonte: Sidnei Westphal Tancredo
Fotos: AGENCIA29